Informações de mercado

Nova regulamentação IMO 2020 e o impacto no transporte de cargas

IMO 2020 é a nova regulamentação da Organização Marítima Internacional (International Maritime Organization), que determinou a redução do teor máximo de enxofre (atualmente de 3,5%) para 0,5%. A mudança é válida para todos os navios, responsáveis por transporte nacional, internacional ou cabotagem. Devido a essa nova regulamentação, os armadores possuem algumas opções disponíveis:

  • Utilizar combustíveis que possuam um menor teor de enxofre, dentro do limite obrigatório a partir de Janeiro de 2020.
  • Utilizar “scrubbers”, dispositivos de controle da poluição do ar, utilizados para remover partículas de enxofre e assim limitar a quantidade de poluentes emitidos.
  • Utilizar fontes alternativas de energia, como motores a gás, por exemplo.

As reduções no teor de enxofre contribuem na diminuição de chuvas ácidas, que danificam plantações, florestas e ainda causam acidez às águas oceânicas. Além de reduzir a incidência de doenças respiratórias, melhorando a qualidade de vida das cidades, principalmente as que ficam próximas a regiões portuárias.

Essa nova regulamentação traz o aumento de devido ao aumento dos níveis de bunker (combustível), principalmente nos primeiros meses após a implementação das medidas necessárias. A regulamentação entrará em vigor a partir de 01 de janeiro de 2020. Caberá aos operadores logísticos a atenção necessária ao IMO 2020, pois deverá gerar mudanças significativas no mercado a partir do próximo ano.

Contato Thais Meroni